Camboja

Viagens diferentes podem modificar a sua vida, vale a pena escolher um roteiro especial.

Guia de viagem para Camboja por Rodrigo Junior na categoria: Ásia

Depois de muitas guerras sofridas, este país se fortaleceu, e seu passado triste foi enterrado, e o país se abriu recentemente para o turismo, e passou a ser muito visitado por viajantes do mundo inteiro em busca de suas paisagens naturais maravilhosas, suas ruínas milenares, e um povo muito receptivo e simpático.

camboja

Atrações Turísticas

As ruínas de Angkor realmente são o patrimônio de Camboja e estão localizadas nas cidades de Siem Reap, e os milhares de templos que antes abrigavam o império do sudeste asiático, agora recebem muitos turistas do mundo todo, que garantem uma boa parte da renda desse pequeno pedaço do mundo.

Uma ótima sugestão de roteiro para Camboja inclui pelo menos três dias de sua viagem, para explorar Siem Reap e seus arredores, indo em templos como Angcor Vat, Ta Prohm, Banteay Srei e Banteay Kdei, e assim conhecendo todo o entorno, você passará a conhecer e saber mais sobre a cultura Khmer e tudo o que existe de melhor no país.

Dicas de Viagem

Os voos para Camboja não são diretos, então é bom o viajante se preparar para uma longa e cansativa viagem, pois será preciso pelo menos umas duas escalas até o Aeroporto Internacional de Phnom Penh, e suas escalas geralmente incluem Bancoc e Cingapura, por isso, se prepare psicologicamente para dar umas paradinhas.

Phnom Penh

Uma das cidades mais turísticas de Camboja, um verdadeiro tesouro do país, embora não tenha tanta fama pelo mundo, guarda histórias de superação e muito charme em suas estruturas, começa agora a se reconstruir depois de muita guerra e sofrimento, com um povo muito simpático e ótimos restaurantes à beira do rio Tonlé Sap, onde os monges caminham calmamente. Ali o viajante encontrará uma identidade do país muito presente, um local ideal para conhecer mais de Camboja.

Ao visitar a cidade, procure ir ao Royal Palace onde ainda se encontra o rei Sihamoni e sua adjacente Silver Pagoda, um charmoso templo budista que tem em sua estrutura um piso coberto por 500 toneladas de pura prata, algo muito impressionante.

Além disso, um dos pontos turísticos mais assustadores é o S-21, que antes era uma escola, foi um centro de detenções, e hoje em dia ainda contém marcas das torturas ali realizadas durante o Khmer, são celas assustadoras, apenas para quem gosta desse tipo de turismo.  Fora este terror, ainda existem outros pontos turísticos semelhantes como o Choeung Ek, um monumento um tanto macabro, porém muito interessante.

Siem Reap

Quem viaja para o Camboja deve ir à Siem Reap, um verdadeiro ponto de encontro de turistas, onde pode-se encontrar os restaurantes e hotéis de luxo com padrões internacionais, porém para os mais econômicos, que procuram lugares mais baratos, a cidade ainda oferece pousadas com preços muito acessíveis que nem chegam a ultrapassar 15 dólares.  Cortada ao meio pelo rio homônimo, a cidade ainda conta com agradáveis bulevares que lembram muito a colonização francesa. Além disso, por ser vizinha de Angkor Wat, Siem Reap passou a apostar muito na diversão das noites de Camboja, no confortos dos turistas e na boa culinária.

templo em camboja

Uma sugestão de roteiro, é começar por Cambodia Landmine museum, para saber um pouco da história do país e seus sofrimentos durante as guerras, e a melhor época para visitar é entre dezembro e janeiro, e para entrar no país é preciso um certificado internacional para febre amarela, e os vistos são emitidos em postos de fronteiras e alguns aeroportos.

Esperamos que tenha gostado das dicas de turismo para Camboja e os roteiros para o local. Para outras localidades navegue através do Guia da Viagem.

Comente!




*Campos obrigatórios