Chicago

Conheça Chicago: dos enormes arranha-céus aos famosos ídolos do basquetebol

Guia de viagem para Chicago por Rodrigo Junior na categoria: América do Norte

Chicago é a terceira cidade mais populosa dos Estados Unidos com quase três milhões de habitantes. Localizada na região centro-oeste do país, tem atraído turistas de todo o mundo, principalmente pela sua variedade cultural. Os enormes arranha-céus criados por arquitetos famosos contrastam com as arquiteturas de museus históricos e os eventos culturais contam bem a História da cidade, do País, da arte moderna e da cultura afro-americana. A cidade é famosa pelo seu grande número de afrodescendentes moradores.

Chicago, IL

Pontos turísticos em Chicago

Ao preparar seu roteiro de viagem à Chicago, o lago Michigan não pode ficar de fora. O centro (chamado de Loop) e as regiões norte e sul da cidade são banhados pelo lago, que proporciona lindas vistas aos visitantes. É o Rio Chicago o responsável por separar as duas regiões. Aproveite os passeios ao ar livre e visite os tantos parques que tornam a cidade um pouco mais verde. Entre os mais famosos estão o Millenium Park e o Lincoln Park, que também conta com um zoológico.

Chicago é uma cidade compacta, por isso, programe-se para desbravá-la a pé ou com o seu eficiente sistema de metrô e ônibus. A região norte da cidade é conhecida por ser chique e moderna. Já a região sul é seu polo comercial e poder financeiro. Esteja certo de que não vai faltar o que fazer em Chicago durante suas férias.

Norte

A região norte concentra os grandes edifícios de telecomunicações. Redes como NBC e jornais como Chicago Sun-Times respiram ali 24h de informação. Perto dali, é possível conhecer o John Hancock Center, um dos edifícios mais altos do mundo, com 100 andares. Lá, um observatório recebe turistas para ter uma das visões mais belas da cidade. O arranha-céu é sede para restaurantes, empresas, escritórios e lojas.

O Navy Pier, enorme píer sobre o lago Michigan, é o passeio certo para quem for viajar em busca de diversão, aparecendo entre as 50 atrações turísticas mais visitadas do planeta. Além de cinemas e teatros, um parque de diversões espera por adultos e crianças com uma roda-gigante de 45 metros de altura.

Navy Pier - Chicago, IL

Navy Pier (píer sobre o lago Michigan) e roda gigante de 45m

Sul

Para quem gosta de dedicar um tempo às compras, não deixe de visitar a Magnificent Mile, conhecida também por Mag Mile, principal avenida da cidade, que concentra lojas, shoppings e as melhores opções de localização para hotéis, apesar do alto valor.

Também é no sul que está a Bolsa de Valores de Chicago, a terceira mais importante do País e uma das mais influentes do mundo. A Universidade de Chicago também está na região e aparece entre as instituições mais bem reconhecidas, atraindo a atenção dos turistas amantes do conhecimento.

Não deixe de visitar também o Museum Campus, região que hospeda diversos museus. Para quem gosta de aprender e conhecer coisas diferentes, o passeio pode ser um prato cheio.

Não há como falar de Chicago sem citar sua paixão pelo esporte, especialmente pelo basquete. A cidade é tradicional na modalidade e conhecida mundialmente pela equipe da NBA, Chicago Bulls. O estádio United Center, localizado mais ao oeste, é a casa dos Bulls e pode ser visitado. Ele conta com um bar, loja e até uma estátua do grande ídolo do esporte, Michael Jordan. Mais incrível do que visitar o estádio é poder vê-lo cheio e sentir a emoção de um disputado jogo.

Dicas de Turismo em Chicago

Para deixar seu guia de viagem completo, algumas dicas são importantes. A cidade conta com dois aeroportos. O O’Hare International está a 45 minutos de trem do centro e o Chicago Midway  a 30 minutos também de trem. Hospedagens próximas aos aeroportos e um pouco mais afastadas do centro costumam ser mais baratas e não lotar suas vagas com facilidade.

Uma das regiões mais baratas para hotéis é o bairro de Elk Grove. No entanto, a localização é considerada um pouco perigosa e não é recomendada aos turistas.

Por oferecer um fácil sistema de transporte e ruas bem organizadas, não há a necessidade de um guia turístico para descobrir Chicago. Aventure-se andando pela cidade ou abuse do transporte. Em alguns pontos é possível encontrar um “trolley” gratuito, uma espécie de bondinho. Procure por pontos de informações aos turistas e solicite um mapa da cidade para facilitar sua circulação por lá.

O clima de Chicago costuma ter suas quatro estações bem definidas, portanto, organize-se bem em qual época viajar e o que levar na mala. Seu verão costuma ser brando, com máximas próximas a 23°C. Durante o inverno as menores temperaturas não passam de -5°C.

Com todas as dicas em mãos, prepare sua bagagem e boa viagem!

Esperamos que tenha gostado das dicas de turismo para Chicago e os roteiros para o local. Para outras localidades navegue através do Guia da Viagem.

Comente!




*Campos obrigatórios