Coréia do Sul

Todo país deve ser explorado da melhor maneira possível, pois cada história tem seu valor, experiências que valem a pena.

Guia de viagem para Coréia do Sul por Rodrigo Junior na categoria: Ásia

Uma alternativa turística interessante, que muitos ainda não conhecem, porém oferece muita cultura e modernidade. Embora andou um pouco esquecida entre as duas maiores potencias da Ásia que são o Japão e a China, a Coréia do Sul vem ganhando destaque depois da produção em massa de filmes, cantores famosos como o Psy, além de games e personagens que vem ganhado um espaço muito interessante pelo mundo, e vem divulgando a cultura pop que está se formando no país.

Coreia do sul

Principais Cidades Turísticas

Com certeza a capital Seul é um dos destinos principais de todos os turistas que visitam o país, uma cidade tradicional porém muito moderna, onde o que não vão faltar atrações turísticas e maneiras para se divertir.

Yeosu e Busan, também são lugares em que você deve visitar, elas ficam junto ao mar, repletas de ilhas, essas cidades oferecem muita opção de lazer ao ar livre, como os esportes náuticos, mergulhos e opções para se admirar a natureza e a vida marinha.

Na cidade de Gyyeongju, o viajante encontrará muita história escondida, repleta de tumbas, templos, palácios e monumentos históricos, a cidade oferece uma volta ao passado para relembrar época em que a cidade dominou a península, o que a tornou um patrimônio histórico muito importante para o país e para todo o mundo, sem dúvidas um passeio que ficará em sua memória.

Onde Ir

Uma sugestão de roteiro para a atual viagem à Coreia do Sul é visitar o resort de inverno Pyeonchang, que se localiza nos Alpes, onde serão realizados os jogos olímpicos de inverno que ocorrerá em 2018. E depois procure visitar também a litorânea Sokcho, que oferece uma mistura de praias, lagos e montanhas, como Seroraksan, sem dúvidas uma programação muito interessante e divertida.

No Outono e no Inverno em especial o país se torna mais interessante para se visitar, por oferecer lindas paisagens com belas folhagens e flores, porém no inverno se torna muito atraente para os amantes de esqui. No verão entre julho e agosto, o clima se torna muito úmido, e as chuvas são muito constantes, por isso talvez não seja muito agradável visitar o país nesta época.

Gastronomia

Existem mitos sobre a gastronomia coreana que afastam os turistas dos restaurantes, porém o que muitos não sabem, é que a comida local pode ser muito agradável e interessante. O bibimbap por exemplo, é uma tigela de arroz regada a legumes, verduras e variedades de carnes fatiadas, guarnecidas por um ovo, muito delicioso, assim como o bulgogi, que é como um tipo de churrasco, que o próprio cliente prepara em sua mesa, que combina muito bem com acompanhamentos como o bancham, que é um tipo de variedades que podem ser fritos ou cozidos juntamente com as carnes, um verdadeiro paraíso da gastronomia coreana.

Coreia do Sul vista de cima

Como Chegar

Para ir à Coreia do Sul, não é necessário ter visto, basta pegar algum voo, que em média dura cerca de 27 horas, onde uma escala é necessária, e então você chegará ao aeroporto internacional de Incheon, que fica cerca de 56 quilômetros de Seul. Lá você também pode estar utilizando os vários serviços de ônibus que podem te levar para qualquer canto do país.

Esperamos que tenha gostado das dicas de turismo para Coréia do Sul e os roteiros para o local. Para outras localidades navegue através do Guia da Viagem.

Comente!




*Campos obrigatórios