Foz do Iguaçu

Segundo destino mais procurado no Brasil, Foz do Iguaçu revela obras de arte da natureza

Artigo publicado por Rodrigo Junior nas categorias: América do Sul

O segundo destino mais procurado no país pelos turistas brasileiros e estrangeiros, Foz do Iguaçu reserva passeios incríveis, sem nada parecido no mundo todo. Localizada no estado do Paraná, a cidade está bem próxima da divisa com os países vizinhos Argentina e Paraguai e oferece aos seus visitantes a maior queda d’água do mundo em volume, as Cataratas do Iguaçu, um dos mais belos cartões-postais brasileiros.

O Que Fazer em Foz do Iguaçu

Não há como não colocar como destino principal de seu guia de viagem a visita às famosas Cataratas. Organize seu tempo para visita-la pelo lado brasileiro e argentino. Cada ponto oferece uma visão diferente da queda d’água e sensações incríveis. Para isso foi criado o Parque Nacional do Iguaçu (Iguazu, do lado dos argentinos), que conta com mais de 180 mil hectares de mata Atlântica e infraestrutura para que os turistas possam circular por lá, como passarelas que levam até pontos mais próximos das Cataratas, lojas, restaurantes e muito mais. Em uma das passarelas é possível ter um panorama de baixo para cima da queda e tomar um verdadeiro banho de catarata.

Pelo lado argentino, as passarelas e trilhas também oferecem mais aventuras. Daquele lado é possível chegar mais perto até a Garganta do Diabo, uma abertura de queda com mais de 80 metros de altura. Há quem diga que é a visão mais assustadora e emocionante entre todas as quedas do rio Iguaçu.

Foz do Iguaçu

Entre as principais atrações turísticas da região está a Hidrelétrica Binacional de Itaipu, a segunda maior do mundo. Basta se aproximar para ter noção da magnitude dessa construção. Há diversas opções de visitação para incluir em seu guia turístico, de uma hora e meia, de quase três horas e até mesmo de noite, com a hidrelétrica toda iluminada. É possível conhecer seu interior, sua história e ainda ir às compras e levar lembrancinhas. No lado paraguaio, eletrônicos, perfumes, roupas e muito mais fazem a alegria dos compradores na Ponte da Amizade.

Engana-se quem acredita que o roteiro na cidade acaba aqui. Há ainda diversos pontos turísticos em Foz do Iguaçu para deixar sua viagem ainda mais complicada. Entre os passeios mais procurados, está o passeio de barco, que sai do Porto Meira e passa, além de outros lugares, sob a ponte que liga o Brasil e a Argentina. Há ainda quem se aventure e conheça o rio Iguaçu de bote. Para quem pode gastar um pouco mais, o passeio de helicóptero proporciona uma das paisagens mais lindas do mundo.

Foz do Iguaçu

Para quem gosta de museu, Foz do Iguaçu também tem programas. O Ecomuseu de Itaipu apresenta a história da hidrelétrica e um pouco mais sobre a fauna e flora da região. A mesquita e o tremplo budista da região também contam um pouco mais sobre a cultura local. Além disso, o Marco das Três Fronteiras, ponto de encontro das fronteiras dos três países, é parada obrigatória. Já para quem gosta de se aventurar em esportes radicais, há diversas opções de trilhas, rafting, rapel, escaladas e muito mais.

Quando a noite chega, hora de curtir a vida noturna da região. No lado argentino e paraguaio, os cassinos são as atrações mais procuradas pelos turistas. No lado brasileiro, diversos restaurantes, bares e jantares com shows. A gastronomia conta com cardápios que incluem desde carnes argentinas até o tempero brasileiro.

Foz do Iguaçu

Dicas de Turismo em Foz do Iguaçu

Viajar até Foz do Iguaçu é ter a certeza de estar, a maior parte do tempo, em contato com a natureza. É no verão que as chuvas aumentam e o rio atinge maior volume, o que deixa a paisagem ainda mais bonita, porém, qualquer época do ano o destino é garantia de uma deliciosa viagem.

Para cruzar as fronteiras, não é necessário visto para nenhum dos dois países vizinhos, basta estar portando o RG. Procure pelos ônibus que fazem essa travessia ou vá de táxi. Se estiver com carro alugado, peça nas seguradoras o documento necessário para transitar entre os países de automóvel. Seja qual for a forma que optar, fique atento aos assaltos, normalmente direcionados aos turistas, e opte por carregar pouco dinheiro, dando preferência por utilizar cartões internacionais para sacar ou pagar seus serviços.

Para circular em Foz do Iguaçu, também opte por ônibus, táxis ou aluguel de carros. Com todas essas dicas anotadas, prepare-se para conhecer uma das obras de arte da natureza, bem aqui, no território brasileiro. Boa viagem!



Comente!




*Campos obrigatórios